News

O Brasil encontra-se na 74ª posição do ranking de velocidade de Internet móvel elaborado pelo estudo Speedtest Global Index, com média de 32,41 Mbps no download. A título de comparação, a média de download da Internet móvel no mundo é de 53,38 Mbps.

 

Speedtest

 

Já na América Latina, o Brasil está na terceira posição. Neste caso, o estudo da Speedtest analisou as medianas dos países no primeiro trimestre de 2021 (1T21): o Brasil registrou 19,14 Mbps de download e 7,17 Mbps de upload, atrás de México (23,08 Mbps download e 9,98 Mbps upload) e Argentina (20,76 Mbps download e 6,94 Mbps upload).

No Brasil, durante o período, a Claro conquistou a primeira posição entre as operadoras com a Internet móvel mais rápida e está longe dos seus concorrentes. A mediana da Claro em download é de 27,54 Mbps e em upload, 8,77 Mbps. A segunda colocada é a Vivo, com download de 19,53 Mbps e upload de 6,80 Mbps. A TIM está na terceira posição (download de 14,88 Mbps e upload de 6,55 Mbps) e a Oi vem em quarto (download de 10,93 Mbps e upload de 4,90 Mbps).

 

Speedtest

 

Com relação à satisfação do consumidor com os serviços móveis prestados pelas empresas, a Speedtest avalia a partir do NPS (Net Promoter Score, em inglês). A Claro mais uma vez se saiu melhor, com NPS de -6,17. A ordem se mantém a mesma da velocidade: Vivo está sem segundo lugar com NPS de -13,32; TIM tem -17,82 e Oi, -30,51.

Ao separar por estado, o Rio Grande do Sul lidera com a melhor velocidade mediana em download do País durante o primeiro trimestre de 2021, com 23,31 Mbps. O estudo da Speedtest não encontrou um vice-campeão estatístico, mas observou que o Rio de Janeiro registrou 21,10 Mbps, seguido por Distrito Federal (21,08 Mbps), São Paulo (21 Mbps), Paraná (20,64 Mbps), Roraima (20,51 Mbps) e Santa Catarina (20,42 Mbps).

Com relação ao upload, a Speedtest informou que não houve vencedor, embora Roraima tivesse um upload médio de 9,38 Mbps; Distrito Federal, 8,90 Mbps; e Rondônia, 8,47 Mbps.

Entre as cidades mais populosas, São Paulo tem a velocidade mediana mais rápida do Brasil, tendo chegado a 22,81 Mbps durante o 1T21.

 

Fonte: Mobile Time